domingo, 9 de setembro de 2007

Nome de Pobre!!

Fabião Morróida é, sem dúvida, o cara que mais odeia pobre na internet brasileira, pelo menos é o único que tem peito prá assumir. Na verdade, quando ele diz isso não está se referindo ao salário ou posição social, mas à certas atitudes e comportamentos que independem de dinheiro. Não adianta ganhar na Mega-sena e comprar uma Ferrari, porque isso não fará de você um cara rico, se você não tiver estilo.

Bom, aí tava eu de manhã, saindo de casa pro trabalho e quando pego o controle prá desligar a TV, o cara tá narrando um gol de um time qualquer, dando mais ênfase ao nome do artilheiro que ao gol propriamente dito. Só de sacanagem, ele repetiu umas três vezes: Maycon Suel!! É claro que o cara já é um afortunado por ter chegado onde chegou. Poderia até ser um pagodeiro ou cantor de dupla sertaneja (Não. Já tem um com esse nome), mas não passa disso. Agora me respondam, será que os pais que têm a ideia infeliz de colocar um nome deste no filho, esperam que ele, um dia, se torne um grande escritor, cientista ou jurista?! Imagine a cena. O oficial entra na corte e fala em voz alta:
- Todos de pé para a sessão que será presidida pelo excelentíssimo Juiz do Supremo Tribunal Federal, Dr. Maycon Suel Pereira!

Não dá, né? Aliás alguém já prestou atenção como juiz do STF, já tem nome de juiz? Confira alguns: Sepúlveda Pertence, Ricardo Lewandowski, Eros Grau, Ellen Gracie Northfleet e o mais novo integrante e melhor de todos, Carlos Alberto Direito! Porra, o cara tem direito até no nome!? Confira a lista completa aqui. Agora imagine o oposto. Galvão Bueno, narrando um jogo da seleção no Maracanã:
- Eros Grau manda de cabeça, pra Sepúlveda Pertence... ajeitou no peito, rolou de volta prá Eros Grau... driblou o zagueiro e...

Não rola! Melhor nem continuar. Ou melhor, quem quiser continuar, clique aqui para conhecer o famoso Gerador de Nome de Pobre, do Fabião prá se divertir um pouco e descobrir com que nomes NÃO batizar seus filhos.
Image Hosted by ImageShack.us

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Permissão concedida! (Por enquanto...)